facebook
Ir para o conteúdo

Nas redes sociais, a direita iniciou 2017 engajando mais que o dobro da esquerda

No início de março, o ePoliticSchool analisou 150 páginas de influenciadores, inclusos no grupo integrantes da imprensa, políticos e partidos. E descobriu que, entre curtidas e compartilhamentos, a direita acumulou 14,7 milhões de interações, contra 7,1 milhões da esquerda.

O levantamento ainda observou que mais da metade dos fãs das páginas analisadas, ou 60,5%, alinhavam-se com ideais de direita.

É sem sombra de dúvidas um ótimo resultado para os “reacionários”. Mesmo que a presença seja apenas digital. Afinal, a tendência é que as eleições sejam cada vez mais afetadas pelo que se discute nas redes sociais.

Curtiu o texto? Contribua com o crowdfunding (financiamento coletivo) do autor e/ou siga-o no Twitter e Facebook.